Quem Somos

A LUX Escola de Teatro foi criada em 2016, com o intuito de aproximar o nosso público das artes cênicas. Localizada na Vila Olímpia, em São Paulo, a LUX possui diversos cursos e oficinas voltados não somente àqueles que desejam tornar o teatro a sua profissão, mas também a todos que almejam utilizar do teatro como ferramenta para melhorar sua vida pessoal e profissional. Nosso método consiste em valorizar a parceria entre aluno e professor, proporcionando aulas descontraídas e que levam a resultados criados e desenvolvidos por ambas as partes.

Nossa 

Levar nossos alunos a conclusões memoráveis, sejam elas nos palcos ou nas telas, para que eles descubram seus caminhos na profissão. Nossos professores sempre estarão presentes para guiar todos aqueles que desejam ir cada vez mais longe.

Nosso 

Movimentar a escola com cursos para atores iniciantes e amadores, para que futuramente possamos ter um espaço cultural propício a apresentações não só autorais, mas também de todos os artistas que se interessarem em ser nossos parceiros. Desejamos desenvolver e aprimorar as habilidades de novos alunos e, também, de quem já trabalha na área.

Nossos 

Buscamos pessoas interessadas em cultura e que entendam que o trabalho em equipe, misturado a uma correta divisão de tarefas, levará a melhores resultados.

Resultado

Em 2018, a LUX foi vencedora dos prêmios Melhor Espetáculo e Melhor Ator (Dan Sinclair) pela peça “Talkie – Da Boca Pra Fora”. Esta foi a montagem de conclusão da turma TL2, do Curso Livre de Teatro Globe. Todo o processo foi elaborado em parceria entre professores e alunos, provando que o trabalho em equipe é e sempre será a maior prioridade da escola.

Nossos Professores

Alexandre Lobo

Professor de dança, bailarino e coreógrafo. Graduado em Design pela Universidade São Judas Tadeu e certificado pela Royal Academy Of Dance em nível avançado, trabalha como professor, coreógrafo e bailarino. Atualmente faz parte do Coastal City Ballet, uma companhia de repertório clássico com sede em Vancouver, Canadá. Atuou em grupos de dança clássica e contemporânea, fazendo apresentações em eventos culturais como a Virada Cultural Paulistana, espetáculos da Escola de Dança de São Paulo e em diversos festivais de dança de âmbito nacional e internacional. Começou sua carreira em 2011, quando começou o treino profissional em ballet clássico e jazz, participando de espetáculos como, “A Bela e a Fera”, “Mary Poppins”, “Bela Adormecida”, “O Fantásma da Ópera”, “O Lago dos Cisnes”. Em 2017 participou da final mundial do Valentina Koslova Internacional Dance Competition com sede em Nova York onde ganhou 3o lugar. Participou do Seminário Internacional de Dança de Brasília e foi premiado com o contrato na atual companhia do Canadá. 

Beatriz Ribeiro

Aos 5 anos de idade iniciou o curso de Ballet Clássico na Academia Fama, onde se formou na modalidade em 2012. Participou da abertura da Copa do Mundo do Brasil em 2014, como bailarina. Já em 2015 começou a lecionar Ballet Clássico e Jazz na academia onde se formou. No mesmo ano participou de apresentações em Orlando pela Disney Performing Arts e Universal. Começou o estudo de musicais em 2017 com um curso livre de teatro musical na 4 Act Performing Arts, no mesmo ano participou de um curso de High-Lights da Broadway pela Voz em Cena, onde no ano seguinte participou da montagem de Wicked como Elphaba. Em 2018 participou da montagem do musical A Bela e a Fera e também do musical O Diabo Veste Prada. Em paralelo aos estudos de Teatro Musical se formou em Educação Física pela FMU em 2019 e segue fazendo aulas de Ballet Clássico, Jazz e Contemporâneo. Nesses anos participou de vários festivais de dança nacionais como Bravos, Enda, Passo de Arte, além de dançar em palcos abertos nos anos 2013, 2017 e 2019 no festival de Joinville. Também fez vários cursos de aprimoramento em Ballet clássico, jazz e jazz moderno.

Dan Sinclair

Ator, cantor, dançarino, dublador e patinador artístico de gelo. Premiado Melhor Ator na Mostra Cênica São Paulo 2018. Formado em Teatro pela Universidade Anhembi Morumbi; graduado em Teatro Musical e Produção Teatral pelo Centro de Belas Artes e Artes Performáticas (CFPA – Center for the Fine and Performing Arts) da Woodbridge Senior High School nos Estados Unidos; estudou teatro com Cheryl Penland e Caren Hearne no estado do Texas e Virgínia (EUA) respectivamente; estudou dublagem com Figueira Jr. e Herbert Richers Jr.; patinação artística no gelo com Marcelo Santiago; estudou canto com Fernanda Cascardo e Amélia Gumes. Foi diretor musical, compositor e maestro em “Alice – O Musical”; Lenhador e assistente de direção musical em “Bodas de Sangue”; Atuou em peças como “A Casa de Bernarda Alba”; “Com A Pulga Atrás da Orelha”; “Macbeth”; “Peter Pan – O Musical”; “Avenida Q – O Musical”; “As Aventuras de Chipollino”; “Anastásia – A Princesa Russa”; e “Cats”. Integra o corpo docente da Lux – Escola de Teatro desde 2016, como coordenador pedagógico, professor e co-diretor, tendo atuado e feito assistência de direção em “Doce Crueldade”, “Talkie – Da Boca pra Fora”, “1940”, “O Nosso Escritor” e “Berlim”.  É o diretor musical das montagens de “Beetlejuice”, “Drácula – O Musical” e “A Nova Onda do Imperador – O Musical”.

Diego Leo

Diego Leo é ator, dançarino e cantor nascido no interior do estado do Amazonas, na cidade de Tabatinga, tríplice fronteira com a Colômbia e o Peru. Formou-se bacharel em Teatro pela Universidade do Estado do Amazonas (UEA) em Manaus e recentemente mudou-se para São Paulo, onde finalizou o curso de atuação intensivo para cinema e tv na Academia Internacional de Cinema (AIC).
No teatro tem trabalhos como Urinal, o Musical, O Pequeno Príncipe, A Pequena Sereia, o Musical e vários outros. Além de também ter trabalhos como coreógrafo nos clipes Céu Tropical, do cantor Dan Stump e Your Crime, da cantora UNNA.
Atualmente faz parte do Frita Coletivo e integra o quadro de professores da Lux Escola de Teatro.

Ivan Nobrega

Ivan Nobrega é ator, roteirista, dublador e diretor. Formado em Artes Cênicas pela Escola de Atores Wolf Maya e em Cinema Digital pela Academia Internacional de Cinema (AIC). Em 2012, integrou a Cia do Joçá, comandada pelo diretor Sergio Carriel, onde atuou na peça “A Farsa de Inês Pereira”. Em 2013 e 2014, participou das montagens “Senhora dos Afogados”, de Marco Antônio Braz, e “Ventra”, de Raphael Gama. No início de 2015, integrou a Cia London, onde atuou em diversas peças, bem como clássicos da dramaturgia mundial, como “A Casa de Bernarda Alba” de Federico García Lorca; “Macbeth”, de William Shakespeare; e “O Caso dos Dez Negrinhos”, de Agatha Christie. Em 2016 fundou a LUX Escola de Teatro, onde atua até hoje como professor e diretor. Em 2018, conquistou o prêmio de Melhor Espetáculo na Mostra Cênica São Paulo, pelo espetáculo “Talkie – Da Boca Pra Fora” – responsável pela direção e pelo roteiro original.

Manuela Ferragutti

Manuela Ferragutti é atriz formada em bacharelado e licenciatura em Teatro pela Universidade Anhembi Morumbi. Em 2018, ingressou na Companhia Artéria Teatral, onde participou das peças “Bicho de Sete Cabeças” e “Debaixo D’água”. Durante os últimos anos, participou de workshops e cursos de atuação para câmera com Rodolfo Valente, Mariana Loureiro, Adriana Pires e Clarisse Abujamra. Em 2020, participou do longa metragem “Sós”, dirigido por Rodolfo Valente e no ano de 2021, participou da websérie “Elenco de Apoio”, dirigida por Daniel Lopes. Em 2019, estagiou nas aulas de artes da Escola Bakhita, em todo o Ensino Fundamental I. Em 2020 e 2021, estagiou na Oficina de Arteiros, nas aulas de teatro nas turmas infantis.

Vinicius Torres

Formado em artes cênicas, pela Escola de Atores Wolf Maya. Iniciou sua carreira em 2010, em teatro musical, na Oficina dos Menestréis, fundada por Oswaldo Montenegro, atuando em peças como “Sétima Arte”, “Tempo da Flor” e “Filhos do Brasil”. Em sua formação trabalhou tanto em teatro como em audiovisual, com diversos diretores renomados, como Brian Penido, Marco Antônio Pâmio, Paulo Marcos, Erick Gallani e Sergio Ferrara. Depois de formado integrou a Cia London, onde atuou em diversas peças, como “A Casa de Bernarda Alba” e “O Caso dos Dez Negrinhos”. Fez parte também da Cia Rituais da Alegria, realizando musicais infantis como “Hercules”, “Pequena Sereia”, “Mágico de Oz” e “Frozen”. Atuou também como ator convidado em diversas peças da Lux Escola de Teatro, onde também foi assistente de direção. Recentemente fez parte do Núcleo Palco Meu de Artes, com a websérie “A Quarentena”, também fez parte do projeto “Off Hamlet” produzido pela Práxis Arte pela Lei Aldir Blanc.